terça-feira, 1 de janeiro de 2008

Balanço de 2007

Ano de 2007
Bom cheguei ao fim de 2007 e neste momento talvez seja importante fazer um balanço desde ano… bom vou começar por dizer foi um ano dividido em 6meses e 6 meses, duas etapas diferentes. Acho que posso mesmo considerar a etapa viver e a etapa reaprender a viver.
Talvez pareça estranho estas duas etapas porque neste ano de 2007 vivi muito quando entrei nele pensei o que será que me espera, estava com alguns receios mas sabem que mais sempre vou ter ao longo dos anos mas tenho a certeza que tenho sempre Alguém que esta sempre comigo.
Para relembrar do que vivi neste blog fui pesquisar o que escrevi neste ano e sabem realmente estive muito longe desde meu espaço, do eu sou eu serei que se construí todos os dias porque nunca temos nada programado a vida vive-se dia a dia…
Realmente comecei em grande a Vida era o tema fundamental e sem ela o que seria de nós…. Tive a reflectir por frases que publiquei… e realmente este ano espero que seja um crescimento apartir delas, que eu possa ultrapassar as dificuldades desta ultima fase e volte a ser o que era…e tornar-me um pouco melhor pelo menos mais crescida, com tudo se cresce!!!
Então as frases são:
Não ame pela beleza, pois um dia ela acaba.
Não ame por admiração, pois um dia você se decepciona...
Ame apenas, pois o tempo nunca pode acabar com um amor sem explicação!

Madre Teresa de Calcutá
Esta é a rota: Só tenho o dia de hoje para Amar!"
Teresa de Lisieux
"Oração não é pedir. É um anseio da alma. É uma admissão diária das próprias fraquezas. É melhor na oração ter um coração sem palavras do que palavras sem um coração." (Mahatma Gandhi)
E vou acabar com um resumo.
Viver... É chegar onde tudo começa!
Amar...É ir onde nada termina!
Vive... Como se fosse cedo!
Reflete... Como se fosse tarde!
Sente o que dizes... Com carinho!
Diz o que pensas…Com Esperança!
Pensa no que fazes...Com Fé!
Faz o que deves fazer...Com Amor!
Todos os dias é dada a chance de um novo recomeço.
Eu tenho tudo para ser Feliz!

1 comentário:

claudia disse...

pois é minha linda, muitas vezes aprende-se mais com o sofrimento do que com as alegrias. E é devido ao sofrimento que damos graças à felicidade sendo também nesses momentos que realmente sabemos quem nos apoia!
Muitos beijinhos e que o novo ano te traga muitos menos sofrimentos que este ano!
Claudia